sábado, 23 de julho de 2016

#Férias Dicas de leituras

    Se a leitura não está rolando, passe para outra e já era. Eu acredito muito que existem momentos certos para ler coisas certas e é bem comum a gente tentar iniciar uma leitura e no meio do caminho não rolar aquela identificação
    O Augusto Cury é um bom exemplo disso, hoje eu gosto e leio muito os livros dele, mas porque é o momento certo. Eu já havia tentando ler as obras dele há alguns anos atrás e não consegui, lembro-me que na época eu achei tudo muito complexo, me esforçava, mas não compreendia a sua teoria. Então eu entendo que é muito real essa questão dos tempos, das fases, processos e estilos de cada um e isso gera grande influência no que você escolhe ler. Sendo assim, acredito que o segredo é se respeitar, entender o que mais “fala” com você e também se permitir parar aquela leitura que não flui de jeito nenhum, quem sabe em outro momento esse conteúdo não seja exatamente o que você precisava absorver?
    Eu Amo Você. Autor: Jaime Kemp.
    Nesse mês já foi diferente! Rolou uma inspiração e tanto, rolou o meu aniversário, rolou presentes também! Para iniciar as leituras ganhei da minha mãe o clássico “Eu amo Você” de Jaime Kemp. Cresci ouvindo os meus pais falarem desse livro, eles estão juntos há 34 anos e durante o namoro eles leram juntos esta obra. Claro que, assim que abri a embalagem, já iniciei a leitura! Hehe
    Meu parecer final? Eu definiria como aquele básico “tem-que-ler”. O conteúdo é realmente prático, direto, sem muita teologia, sem muito “fru-fru”, sem muitas definições de como o homem ou a mulher pensam, sem muitos detalhes sobre como agir nos relacionamentos, sem muita psicologia, o negócio é falar de namoro, noivado, casamento e sexo de acordo com a luz da Palavra de Deus, indicando o que é certo e errado, mostrando o caminho da santidade em todo o processo e ponto.
    Particularmente o conteúdo me edificou bastante, foi construtivo, gerou uma vontade muito grande de ter um relacionamento o mais puro e santo possível (não que eu já não tivesse essa vontade, mas ela foi reforçada). E tenho certeza de que ler enquanto solteira é uma coisa, mas ler enquanto namorada, noiva será diferente, então pretendo retomar a leitura quando chegar a hora certa. No mais, recomendo muito, leiam, vale a pena!
    O Mestre Inesquecível. Autor: Augusto Cury.
    Saindo do Jaime, fui pro Cury. Junho foi um mês forte em termos de autoconhecimento. Sou apaixonada por psicologia, tento não ficar muito tempo sem ler algum conteúdo que tem relação com a área, porque me faz bem demais compreender mais da mente humana. Esse livro, O Mestre Inesquecível é o quinto, da série chamada “Análise da Inteligência de Cristo”. Eu comecei lendo o último, mas acredito que não tem problema! Hehe
    Em geral, diria que foi a leitura mais incrível de Cury que eu peguei até agora. Fui fortemente impactada pelo conteúdo porque ele analisa a maneira que Jesus lapidou e transformou as personalidades dos seus discípulos. Durante a leitura eu chorei, ri, anotei, risquei, refleti e recebi muitos choques de lucidez. Me vi em Judas, me vi em Pedro, em João, foi simplesmente maravilhoso. Agora, uma coisa é certa, está aí mais um tipo de leitura que precisa ser lida de duas à três vezes para que você possa absorver todo o conhecimento ali compartilhado. Tenho os outros 4 livros da coleção mas, por enquanto vou dar um pause e ir para outras leituras mais lights, a mente deu uma superaquecida! Hehehe
    Mentes Brilhantes. Autor: Augusto Cury.
    Antes do Mestre Inesquecível, li este livro, também do Cury, chamado Mentes Brilhantes, Mentes Treinadas. Todos os livros desse autor são muito bons, mas alguns são mais profundos do que outros. No caso deste título, acredito que ele é o ideal para quem nunca leu nada sobre a teoria da inteligência Multifocal. Digamos que é um título de introdução para que você entenda um pouco mais do trabalho dele e passe a ler as suas outras obras com mais facilidade. Costumo dizer que todos os livros do Cury “conversam entre si”, um tem ligação com o outro, um explica algum assunto do outro e assim vai. Por isso, quem começa a ler e toma gosto pela coisa, não consegue mais parar, porque existe uma linha de raciocínio bastante interessante nos conteúdos gerados pelo psiquiatra. Eu gosto muito de tudo que o Cury escreve, sou suspeita para falar e como vocês sabem, pretendo ler todas as obras dele, ao todo são 33, algo assim, então estou no caminho da minha meta! Haha
    Profetas da dança. Autora: Gisela Morandi Kohl Matos. 
    Não, eu não faço parte do ministério de dança da minha igreja mas, como vocês já devem ter percebido, eu sou uma grande curiosa. Gosto de saber de tudo um pouco, alguns temas eu me aprofundo, outros não, mas em geral sou interessada em aprender. Esse livro, escrito por Gisela Morandi é uma introdução para quem quer atuar no ministério de dança, a linguagem é super fácil, simples e direta. A autora mostra as bases bíblicas para explicar um pouco mais do ministério, incluindo detalhes sobre como devem ser a vestes das dançarinas, alguns testemunhos pessoais e também ensinamentos para exercícios práticos de dança. Particularmente eu gostei muito, acredito que é um excelente material para quem tem interesse na área e pretende inciar do zero. Não conheço a escritora, mas criei uma empatia por ela, suas palavras me edificaram e seu livro me tocou de uma maneira muito ímpar.
    Bíblia em ordem cronológica.
    Por último, vamos para a Bíblia! Neste mês passei por algumas histórias bem legais. Entre elas Rute e Boaz que se destacaram (rendeu até post especial aqui no blog). Outro cara que me ministrou muito foi Gideão e agora estou entrando no reinado de Davi! É meio redundante falar que a Bíblia é bacana, que nos abençoa, nos transforma, mas eu não consigo ter outra definição para este conteúdo! A Palavra de Deus é tudo! Sigo na tentativa de concluir a Bíblia inteira ainda este ano!
    Bom gente, é isso! Boa leituras deixe seus comentários e sugestões 
    por E-mail: redacaog@gmail.com  
    ou pelo whatsapp:(¨61)98518-9690

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário